Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
SERVIÇO

Salvador ganha novos postos para emissão de carteiras de trabalho

Graças a termo de cooperação firmado entre a SRT-BA e a Prefeitura de Salvador, serviço já está disponível em mais seis bairros da cidade 

  • Publicado: Sexta, 15 de Junho de 2018, 15h21
  • Última atualização em Sexta, 15 de Junho de 2018, 17h52
  • Acessos: 525

Os cidadãos soteropolitanos que desejarem solicitar o serviço de emissão da carteira de trabalho já podem se dirigir às seis prefeituras de bairros localizadas na Cidade Baixa, Cajazeiras, Subúrbio/Ilhas, Pau da Lima, Itapuã/Ipitanga e Barra/Pituba. A novidade é fruto de um termo de cooperação técnica firmado entre a Superintendência Regional do Trabalho na Bahia (SRT-BA) e a Prefeitura de Salvador. 

A iniciativa visa descentralizar os serviços do Ministério do Trabalho, que agora estão mais próximos da população. Os trabalhadores não precisarão mais sair do bairro em que residem para retirar o documento. 

O lançamento dos novos locais de atendimento ocorreu nesta quinta (14), na Prefeitura-Bairro Cidade Baixa, com as presenças da superintendente regional do Trabalho na Bahia, Gerta Schultz, e de representantes do Executivo Municipal. “Temos o compromisso de fazer diferente e procurar sempre promover a melhoria no serviço, auxiliando o trabalhador a encontrar um emprego”, disse Gerta. 

O termo prevê a oferta do serviço para as dez Prefeituras-Bairro com uma estimativa de 500 novas carteiras de trabalho por dia. No total, 20 funcionários – dois por Prefeitura-Bairro – vão fazer o atendimento ao público, após terem passado por capacitação de 40h, ministrada por servidores da SRT-BA. 

O termo também incluiu o Serviço Municipal de Intermediação de Mão de Obra (Simm), que já emite o documento desde setembro, na sede localizada na Rua Miguel Calmon, Edifício Ouro Preto, no Comércio. 

O processo de emissão é o mesmo das demais estruturas que oferecem o serviço, com informações enviadas para o sistema do Ministério do Trabalho. O atendimento será feito através de senhas, a serem distribuídas diariamente. O prazo de emissão é de 15 dias e a retirada será feita na mesma unidade onde foi feito o pedido. 

Documentação - Para fazer a carteira de trabalho, é necessário levar a carteira de identidade, certidão de nascimento ou casamento para comprovação do estado civil, comprovante de residência emitido em até três meses, CPF, título de eleitor e carteira de habilitação – caso o cidadão queira incluir estes dois últimos números no documento. 

 

Ministério do Trabalho
Assessoria de Imprensa
imprensa@mte.gov.br
(61) 2021-5449

registrado em:
Fim do conteúdo da página