Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Em parceria, Ministério e Correios começam a emitir a carteira de trabalho em São Paulo
Início do conteúdo da página
DOCUMENTAÇÃO

Em parceria, Ministério e Correios começam a emitir a carteira de trabalho em São Paulo

A agência de São Bernardo do Campo começou a emitir o documento nesta sexta-feira (30); na de Presidente Prudente, o início será nesta segunda-feira (3)

  • Publicado: Sexta, 30 de Novembro de 2018, 18h58
  • Última atualização em Segunda, 03 de Dezembro de 2018, 11h50
  • Acessos: 520
imagem sem descrição.

 As agências dos Correios em São Bernardo do Campo começaram a emitir carteiras de trabalho nesta sexta-feira(30). Nas agências de Presidente Prudente, o início da emissão ocorrerá na segunda-feira (3). A emissão das carteiras não tem custos para o trabalhador. A previsão é de que sejam emitidas mais de 530 carteiras de trabalho por mês nas unidades, até 19 de dezembro. Após a conclusão do projeto-piloto será avaliada a possibilidade de expansão do serviço para todo o Brasil.

A realização do projeto-piloto nas duas cidades foi decidida em comum acordo entre o Ministério do Trabalho e os Correios, dadas as necessidades de apoio técnico e estrutural para comportar a prestação do serviço. O acordo, celebrado pela Superintendência Regional do Trabalho de São Paulo (SRT-SP), tem o objetivo de descentralizar a emissão de carteiras de trabalho e levar o serviço para mais perto da população.

Segundo o superintendente regional do Trabalho em São Paulo, Marco Antonio Melchior, “o importante agora é fazer uma boa divulgação, para que os trabalhadores saibam que os Correios estão prestando esse serviço. Os Correios estão em mais de 7 mil cidades do Brasil. Onde não existe uma unidade de atendimento do Ministério do Trabalho, os Correio chegam. Isso vai facilitar a vida do trabalhador”, destacou.

O superintendente estadual dos Correios de São Paulo, Marcos Venicio Barbosa, destaca que essa é a primeira experiência de oferecimento de acesso à carteira de trabalho a cada um dos brasileiros de maneira prática e fácil. “Os Correios têm como responsabilidade entregar à sociedade serviços de qualidade. Essa é a nossa vocação: trazer o cidadão para dentro das nossas agências e, através do nosso atendimento, ampliar e fortalecer a cidadania”, disse.

Documentação - Para solicitar a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) nos Correios, o trabalhador deverá comparecer pessoalmente a uma das agências da instituição nesses dois municípios, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, levando os seguintes documentos:
- Documento oficial de identificação com nome do interessado, data, estado e município de nascimento; filiação; nome e número do documento com órgão emissor e data da emissão (Carteira de Identificação/RG, Carteira de Reservista, Certidão de Nascimento);
- Cadastro de Pessoa Física (CPF);
- Comprovante de residência com CEP (boleto, conta de luz, água, gás, internet, tv a cabo);
- Certidão de nascimento ou casamento para comprovação do estado civil;
- Foto 3x4, com fundo branco, colorida e recente.
Serão realizados também os seguintes serviços na Agência dos Correios:
- 2ª via de CTPS (perda, roubo, furto);
- 2ª via de CTPS (via de continuação, para carteiras com um dos campos de registro totalmente preenchidos).

Ministério do Trabalho
Simone Sampaio
Assessoria de Imprensa
imprensa@mte.gov.br
(61) 2021-5449

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página