Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Espírito Santo tem o segundo melhor resultado do país na geração de empregos em maio
Banner Ministério da Economia
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Espírito Santo tem o segundo melhor resultado do país na geração de empregos em maio

Foram abertas 9.384 vagas com carteira assinada no estado no último mês

  • Publicado: Sexta, 28 de Junho de 2019, 09h57
  • Última atualização em Sexta, 28 de Junho de 2019, 10h35
  • Acessos: 207

Espírito Santo teve o segundo melhor desempenho do país na geração de empregos no mês de maio, atrás apenas de Minas Gerais. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quinta-feira (27) pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, foram criadas no estado 9.384 vagas de trabalho formal, um aumento de 1,29% em relação ao mês anterior.

Dos oito setores da economia, sete fecharam o mês com saldo positivo. A Agropecuária foi a principal responsável pelo resultado, com abertura de 7.726 postos. Mas também tiveram saldos positivos no estado Indústria de Transformação, Construção Civil, Serviços, Administração Pública, Serviços Industriais de Utilidade Pública e Extrativa Mineral (confira tabela).


Desempenho Nacional

Em todo o Brasil, foram criados, em maio, 32.140 empregos formais. Se consideradas as vagas abertas desde janeiro, o número já chega a 351.063 novos postos com carteira assinada este ano. Com isso, o estoque de vagas no país chega a 38,761 milhões, o maior desde maio de 2016, quando o Caged havia registrado 38,783 milhões de vínculos empregatícios.

Assim como no Espírito Santo, o destaque nacional neste último mês foi a Agropecuária, responsável pela abertura de 37.373 postos formais em todo o país. O segundo melhor desempenho foi o do setor da Construção Civil, com 8.459 novos postos, seguido dos Serviços (2.533), da Administração Pública (1.004) e da Extrativa Mineral (627).

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página